7 Passos Simples para Evitar Pouco Dinheiro com Música

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A maioria das bandas e artistas ganha pouco dinheiro com música. E muitas vezes essa incógnita mata a vontade de continuar tocando e fazer uma carreira. Esse post pretende mostrar alguns caminhos para começar a evitar pouco dinheiro com música.

O ano era 2012. Eu estava acordado às 3 da manhã lendo um eBook que já não se encontra mais disponível e pesquisando meios de fazer minha banda dar certo. Esse é um desafio que eu tenho quase certeza que todo músico passa.

Eu queria saber o que fazer para conseguir viver de música. Como chegar lá onde os músicos consagrados chegaram. Fiquei chocado com a dificuldade de encontrar material como livros, artigos ou qualquer outra coisa que me ajudasse.

Esse eBook que mencionei foi o que abriu a minha mente para a compreensão de que a minha banda era uma empresa. E que eu, como sócio dela, precisava ter algumas coisas bem estruturadas em mente para o negócio funcionar.

Corta para 2015

Eu estava em turnê, tocando em diversas cidades que nunca estive, com bandas de todo lugar do Brasil. A maioria desses shows, era abrindo para alguma banda maior. Algumas com centenas de milhares de seguidores nas redes sociais e fãs por onde iam.

Nos camarins (quando tinha) a resenha era inevitável. E minha curiosidade era em aprender dessas bandas. “Como chegar lá?”, “Como ganhar dinheiro com música” era basicamente a minha pergunta.

E fiquei embasbacado em saber que a grande maioria dessas bandas, na verdade, sobreviviam de música. Até ali, nesses 3 anos de banda, eu já havia conseguido junto aos meus companheiros, algumas boas fontes de renda. E fiquei surpreso que boa parte dessas bandas se quer havia pensado na possibilidade de usá-las.

Foi por isso que resolvi listar aqui hoje 7 Passos Simples para Evitar Pouco Dinheiro com Música.

Não Foque Apenas no Show

Essa é uma tática batida. É natural que o show venha a ser a sua principal fonte de receita na carreira musical, mas não é a única.

Eu vejo bandas de todas as partes querendo tocar quando não estão prontas para isso ainda. E além disso, querendo tocar ganhando o que consideram um cachê justo. Sem ao menos ter poder o bastante para levar um mínimo de público.

Eu já toquei em shows vazios, com meia dúzia de fãs fiéis que sempre estavam em todos os shows. E por isso espero que não cometa o mesmo erro: não foque em tocar ao vivo se ainda não existe demanda mínima para isso.

“O artista deve ir onde o povo está”, já dizia Milton Nascimento. Essa é uma máxima irrefutável, mas tem o momento certo. Se você quiser evitar ganhar pouco dinheiro com música, foque sua energia em outras fontes de renda no início da carreira.

Use os Streamings

Quando eu lançamos nosso primeiro EP, ganhamos incríveis US$ 793,00 em poucos meses com streaming. Esse dinheiro foi o que garantiu que pudéssemos gravar um novo compacto com músicas novas.

É esse tipo de sustentabilidade que você deve buscar no seu negócio musical. O streaming não enriqueceu ninguém da banda, mas ao menos pagou um novo material, que rendeu ainda mais dinheiro.

Tenha a mente do vendedor

Particularmente, eu odeio vender. Não gosto mesmo. Sou um péssimo vendedor e sinto como se estivesse incomodando. Mas esse é um mal necessário.

Sua banda é sua empresa. E você tem diversos departamentos dentro dela. E o setor de vendas é um deles. E como diria Carlos Wizard: “empresa que não vende, vai à falência”.

Vender é o maior objetivo do seu negócio musical. Parece chato pensar assim, mas é o que mantém qualquer negócio, inclusive o musical. Se você quiser evitar pouco dinheiro com música, é melhor a começar a pensar como um vendedor.

Em tudo o que você faz pela banda ou carreira, pense em como isso poderia se transformar em um produto ou serviço. Pense em como isso poderia se transformar em alguma experiência que gerasse renda para sua carreira musical.

Conheça sua Persona para Evitar Pouco Dinheiro com Música

Talvez você nem conheça esse termo. Mas deveria, se quer ser um profissional da música. A Persona é algo primordial para elaboração de qualquer estratégia de venda, como falamos acima.

Persona, nos termos de marketing e vendas, significa basicamente: um exemplo de cliente/fã perfeito para o seu negócio/carreira.

O estudo de persona consiste em conhecer profundamente o tipo de pessoa que gastaria um pouco de dinheiro com você e a sua música. Se souber definir bem a sua persona, terá uma arma fantástica nas mãos. Você terá domínio da sua carreira.

Faça um Canal de Youtube Alternativo

Essa dica para evitar pouco dinheiro com música parece óbvia, mas são poucos os que seguem essa prática. Hoje, uma das melhores formas de ganhar dinheiro com música é com royalties do Youtube.

Não é uma tarefa fácil. Existe muita concorrência lutando por espaço. Mas você só vai conseguir chegar lá se começar. E se principalmente, não parar.

São muitos os artistas que começaram a sua carreira no Youtube, fazendo covers e versões e que agora estão gravando suas próprias músicas, com uma grande base de fãs. Você provavelmente conhece a Sofia Oliveira ou a Gabi Luthai, ambas começando no Youtube.

Tenha um Controle de Fluxo de Caixa

Para evitar pouco dinheiro com música, não basta apenas ganhar algum dinheiro. É preciso controlar (e muito bem) as saídas.

Supondo que você comece a ganhar dinheiro com seu canal de Youtube, por exemplo, o que vai fazer com esse dinheiro?

Além desse planejamento de investimento, é importante manter em dia os seus custos, de modo que ele nunca ultrapasse sua receita. Conheço bandas que ganham um cachê de R$ 5-6 mil por show, mas que ainda não conseguem sair de onde estão e quando precisam gravar um disco ou videoclipe, nunca têm dinheiro.

Seja um Músico Empreendedor

O bom empreendedor é aquele que às vezes não está com o bolso cheio, mas sabe que seu negócio está prosperando. Ele investe boa parte do ganha para melhorar cada vez mais o seu negócio.

É fácil se deixar levar pela ansiedade de ter dinheiro em mãos. Não são poucos os artistas que vejo repartindo entre si todo o dinheiro que ganham com música e não separando nada para investir de volta no negócio.

Infelizmente, essas bandas estão fadadas ao fracasso. Separe ao menos 30% de tudo o que ganha para investir na própria carreira. Não se iluda quando estiver ganhando um pouco de dinheiro com música.

Se você não souber cuidar da sua carreira musical, o dinheiro logo vai se acabar e você terá problemas para reerguer-se novamente. Isso se tiver motivação para isso.

 
No Posts Found
Vendas

4 Passos para Precificar o seu Merch

Definir os preços para as suas camisetas, vinis, compactos e até mesmo bottons não é diferente de designar o preço para qualquer outro bem de

 

não vai deixar
seu autógrafo?

cursos gratuitos, networking, materiais de trabalho, diagnóstico, rede social... .. em 1 minutos você cria sua conta, é rápido